18 ANOS DE ASVI CDD E MENSAGENS IMPORTANTES

Em comemoração aos 18 anos da ASVI CDD queremos compartilhar mensagens importantes de dois grandes parceiros da instituição.

Recebam a nossa gratidão por todos esses anos de cuidado com a nossa instituição.

“Meu nome é Rose e tive a sorte de conhecer a ASVI através da minha mãe, que fazia parte de uma organização de brasileiras e estrangeiras que escolhia ONG’s para conhecer e depois ajudá-las.  Ela  também conhecia o Padre Leising, o qual recebia fundos do exterior, ajudava instituições sociais e mediava os encontros semanalmente para ajudar estas ONG’s. A ASVI era uma das várias organizações que recebia esta ajuda. 

Nunca me esquecerei e continuo até hoje praticando a pergunta que o Padre Leising fazia ao terminar a reunião: “O que aprendi essa semana?”. Todos eram solicitados a elaborar seu próprio aprendizado, semanalmente, inclusive ele mesmo. Esta prática é uma joia que uso até hoje e que me faz crescer.

Dentre todas as organizações que o Padre Leising ajudava, a ASVI foi uma das que prosperou e sobreviveu. Maria do Socorro, desde o começo, foi a estrela do caminho desta ONG. Sempre esforçada, empolgada, cumpridora de todas as tarefas que o Padre Leising recomendava.

Apesar dos momentos mais difíceis da instituição e das pessoas contribuintes da ONG, a ASVI sobreviveu com ânimo, muito esforço, organização, seriedade e, acima de tudo, com muito amor aos seus afilhados, crianças inscritas no programa e, por extensão, ao seu núcleo familiar.

Com a ASVI aprendi que todos, sem exceção, temos sentimentos e problemas parecidos e que, quanto mais profundamente e sinceramente nos envolvemos com os outros, mais crescemos e aproveitamos melhor a vida. (ou o melhor da vida)

Com a chegada da maioridade, minha mensagem para a ASVI em comemoração dos seus 18 anos é que permaneça com este espírito jovem, continue se renovando e nunca perca o espírito curioso, corajoso e desafiador que sempre teve.

Tenho um sonho e sei que a ASVI conseguirá alcançá-lo – de um dia ser reconhecida por todo o seu trabalho e esforço para conseguir sobreviver entre tantas adversidades. E, assim, obter fundos suficientes para se manter dignamente formalizada, com salários justos para seus colaboradores, e com um ambiente convidativo para seus participantes. 

Todos que chegam a conhecer a ASVI sentem um profundo respeito e admiração por suas ações e por sua trajetória. É desejável, na minha opinião, que outras instituições e empresas consigam reconhecer estes atos heroicos da ASVI e se inspirem a contribuir com esta linda caminhada.”       

“Meu nome é Gene eu agora moro nos Estados Unidos e antes morava e trabalhava no Brasil. Viajo para o Brasil todos os anos e sempre me encontro com Socorro e sua equipe. Eu patrocinei e continuo patrocinando o Projeto REI.

Eu aprendi sobre a ASVI pelo Padre Leising foi um maravilhoso e generoso padre que foi o iniciador de várias organizações como a ASVI e foi um forte apoiador ativista da comunidade. Fiquei muito impressionado durante várias visitas à Cidade de Deus e reuniões com os alunos.

Depois de conhecer Socorro, os  administradores e especialmente os alunos me senti compelido a apoiar a ASVI e a comunidade.

Acredito muito na educação para alcançar uma vida melhor. Gostaria de inspirar esperança para o futuro da ASVI e de seus  alunos.

Eu aprendi que todos vocês têm grandes esperanças e habilidades, tudo que vocês precisam é a oportunidade  para aprender,  crescer e ter sucesso.

Parabéns por ASVI 18 anos de excelente trabalho, dedicação e amor. Desejo que a ASVI continue a crescer e ajude muito mais estudantes nos anos seguintes.

Eu continuo acreditando na educação para criar oportunidades de se destacar na vida. Meu desejo seria seguir os graduados do programa para entender os resultados  e o progresso de cada indivíduo para medir os resultados na vida, no trabalho, na educação e outras conquistas.

Há agora um projeto sendo conduzido por um profissional que auxilia no pedido de ajuda e doações para órgãos públicos e empresas privadas. Aguardamos a conclusão deste estudo, este estudo está sendo financiado por mim e por outro generoso doador.”